quinta-feira, 17 de setembro de 2020

Presidente da CMB, parnaíbano Mirocles Véras diz que a pandemia mostrou um SUS consistente

Em artigo publicado no jornal o Estado ele diz que aprimorar a parceria com as Santas Casas é vital para o SUS.


O presidente da Confederação das Santas Casas de Misericórdia, Hospitais e Entidades Filantrópicas (
CMB), Mirocles Véras, ressalta que a pandemia da Covid- 9 mostrou que o Brasil tem um sistema de saúde consistente, mas que necessita de aperfeiçoamentos para seguir adiante e não sofrer retrocessos. O presidente também ressaltou a fundamental participação das Santas Casas e hospitais filantrópicos no SUS.

Confira artigo na íntegra matéria publicada no jornal Estado de São Paulo:

Aprimorar a parceria com as Santas Casas é vital para o SUS

A pandemia está servindo para extinguir todos os argumentos que ainda restavam contra o Sistema Único de Saúde (SUS). Hoje está mais do que evidente que um sistema público e universal é indispensável para a saúde e a segurança sanitária do País e que, em vez de questionar sua existência, é preciso buscar meios para torná-lo ainda mais eficiente. Nesse sentido, as Santas Casas e os hospitais sem fins lucrativos são parte fundamental da solução.Parceiras de primeira hora, essas instituições tornaram possível a criação do SUS com a disposição da sua infraestrutura de atendimento. Sem seus hospitais e profissionais seria inviável até pensar numa rede pública para toda a população. A presença dos parceiros privados, portanto, tirou o projeto do papel e ainda hoje sustenta esse incrível empreendimento.

A rede sem fins lucrativos é responsável por 43% de todas as internações hospitalares (mais de 5 milhões) e 70% dos atendimentos de alta complexidade no SUS. Dos 189 mil leitos de sua rede, 130 mil (69%) são destinados ao sistema público e em quase mil municípios do Brasil as Santas Casas e os hospitais sem fins lucrativos são os únicos equipamentos de atendimento público à população.

A parceria, no entanto, está ameaçada. Desde 2015, 182 instituições sem fins lucrativos paralisaram as atividades e fecharam 9.500 leitos. O motivo foi principalmente o subfinanciamento dos serviços prestados ao SUS, que remunera há vários anos somente 60% do custo real do que é entregue. Serviços que, aliás, custam em média oito vezes menos que os realizados por hospitais públicos federais. Resumindo, aproximadamente 10% de toda a rede sem fins lucrativos não suportou os sucessivos prejuízos da parceria com o SUS e faliu.

Além dos valores, o SUS remunera a rede sem fins lucrativos a partir de uma tabela de procedimentos e valores de incentivos contratados com gestores estaduais e municipais, sem considerar porte, complexidade e abrangência regional das instituições. É um problema de gestão, enfim.

Esse enredo continua em cena, pressionando outras instituições e pondo em risco a própria existência do SUS. Não é possível ter uma rede pública sem o volume, capilaridade e expertise em alta complexidade oferecidos pelo sistema sem fins lucrativos. Essa estrutura foi condicional para a criação e é também para a continuidade do SUS. Não é opinião, é fato.

Também é preciso lembrar que essas instituições geram mais de 1 milhão de empregos, proporcionando renda a estimados 4 milhões de pessoas. Além disso, são centros de excelência em ensino e pesquisa e grandes formadores de médicos, enfermeiros e dos demais profissionais da área da saúde.

Rever os termos da parceria é urgente, começando pela remuneração. Obviamente, é necessário mais dinheiro, mas é preciso também reformar o modelo. Avaliar resultados com indicadores de produção, financeiros e de qualidade. Colocar a eficiência e resolutividade como prioridade e garantir o melhor aproveitamento dos recursos. Tem de ter mais, sim, mas principalmente deve ser melhor.

Na mesma linha, é hora de reorganizar o sistema. Reestruturar a rede com regionalização, hierarquização e escalabilidade na prestação de serviços. Integrar com a saúde suplementar, fortalecendo operadoras filantrópicas já existentes e estimulando a criação de novas, que vão garantir atendimento numa rede nacional de hospitais. E, ao mesmo tempo, desenvolver a estrutura regulatória desse sistema. Unir as unidades numa estratégia de gerenciamento de custos com, por exemplo, uma central única de compras. Investir em educação e pesquisa e na criação de protocolos para integrar os profissionais de saúde em todo o País.

As Santas Casas e os hospitais sem fins lucrativos trabalham há tempos num novo modelo de organização dos serviços de saúde, pela integração das instituições. O projeto Santas Casas em Rede propõe avanços na gestão para proporcionar mais qualidade e eficiência à assistência e, por consequência, melhor aproveitamento dos recursos no financiamento de todo o sistema.

É importante que todos os envolvidos na formulação e execução das políticas públicas de saúde avaliem as sugestões, contribuam com ajustes e participem da implantação das melhorias. Medidas nesse sentido são urgentes e é preciso assumir a responsabilidade o mais rápido possível.

A pandemia mostrou que o Brasil tem um sistema de saúde consistente, mas que necessita de aperfeiçoamentos para seguir adiante e não sofrer retrocessos. É fundamental preparar a estrutura para novas crises e ainda para suportar a grande demanda represada que vai chegar aos hospitais em breve.

Há muitos desafios pela frente, portanto, como é da natureza de uma realização do tamanho do SUS. As Santas Casas e os hospitais sem fins lucrativos estão prontos para enfrentá-los com a mesma disposição que tinham no dia da criação do SUS, o maior empreendimento na área de saúde do mundo.

Fonte: Ascom

Banco do Nordeste deve investir R$ 3 bilhões no Piaui com projetos para recuperar a economia


O novo diretor de negócios do Banco do Nordeste do Brasil, Anderson Aorivan da Cunha Possa, afirma que o banco já investiu R$ 1,5 bilhão no Piaui e até o final do ano, serão investidos mais R$ 1 bilhão. O anúncio foi feito durante um café da manhã na Federação das Indústrias do Piauí (Fiepi), com a presença de vários políticos.

Segundo o diretor, que foi indicado ao cargo pelo senador Ciro Nogueira, presidente nacional do Progressistas, o banco tem um projeto de desenvolvimento para o Piaui.

“O nosso objetivo é ter essa atenção especial para o Piauí. É um estado em crescimento e procuramos, a despeito das dificuldades, estarmos presentes nos estados que demonstram essa vontade de crescimento e desenvolvimento. Vemos isso no empresariado e na sociedade civil que tem nos demandado muito. O senador Ciro também apoia. Nós destinamos recursos, tanto financeiros, quanto na parte de investimentos, nas agências e superintendência do Piauí, que faz esse trabalho de forma muito bonita. No ano de 2020, até agora, já investimos R$ 1,5 bilhão na economia do Piauí. E temos mais R$ 1 bilhão para investir até o final do ano. Tanto para capital de giro, quanto recursos para investimentos”, afirmou.


No Piauí, o banco investe em projetos da área industrial, e também, em projetos rurais.

“Todas as áreas industriais são importantes. Elas são esse catalizador de investimentos regional, dos municípios, do estado, como também, na área rural. Temos muitos recursos destinados a área rural que é uma demanda muito forte e presente”, disse.

O superintendente do Banco do Nordeste, Diego Martins, destacou os investimentos e a importância de parcerias para a retomada da economia.

“Já fizemos algo em torno de R$ 1,5 bilhões e temos R$ 1,4 bilhões para os empreendedores no estado. Nesse sentido, trabalhamos e nos irmanamos com as equipes e parceiros para fazer essa essa entrega de R$ 3,5 bilhões que é importante para a economia do estado, para o reaquecimento da economia e nesse momento de retomada das atividades econômicas”, afirmou. O superintendente destacou a importância do banco nas linhas de crédito para empresários.
.
“O banco é diferente dos outros, porque acolhe o empreendedor que precisa e temos linhas de crédito nesse sentido. A demanda é bastante aquecida. Estamos tentando agilizar esse crédito para chegar mais rápido aos empreendedores e ter a satisfação do nosso empreendedor, no sentido de melhorarmos nosso atendimento e agilizar isso”, afirmou o superintendente. (Flash de Lídia Brito)

Nota de Falecimento: Kairo Amaral Rezende


O repórter da TV Clube do Piauí (afiliada da Rede Globo) estava a afastado do trabalho há um ano para fazer o tratamento de um câncer e evoluía bem, mas há pouco mais de um mês teve complicações nos rins e passou a fazer hemodiálise. Kairo faleceu em casa na madrugada de hoje.

Kairo iniciou sua carreira precocemente quando aos 15 anos já fazia reportagem dentro dos estádios de futebol cobrindo jogos do Parnahyba Sport Club. Kairo não tinha hora para o trabalho, era incansável na busca por notícias e assim logo chegou a TV Meio Norte e por fim na TV Clube.

Aos amigos e familiares que desejam prestar condolências, o velório será realizado no salão de velório da Funeral Prev na rua Álvaro Mendes no Centro de Parnaíba. O sepultamento ocorrerá às 16h da presente data.

Fonte : Jornal da Parnaíba

terça-feira, 15 de setembro de 2020

Rocam recupera moto roubada em Parnaíba


Equipe de serviço da Rocam coordenada pelo sargento Madson, recuperou na manhã deste domingo(13), a motocicleta de placa PIN 0435, Yamaha ybr/factor - vermelha, que havia sido roubada na noite anterior, no bairro Joaz Sousa em Parnaíba.

O veículo foi encontrado abandonado próximo a Lagoa do Bebedouro na região do bairro São Vicente de Paula. Na sequencia para o Complexo da Polícia Civil.

Fonte : Portal do Catita

Mensagem do Armazém Paraíba no Dia do Cliente

 

TCU entrega lista de políticos piauienses inelegíveis ao TSE e MPE

O Tribunal de Contas da União (TCU) encaminhou, nesta segunda-feira (14), ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ao Ministério Público Eleitoral (MPE) a lista dos políticos que tiveram contas julgadas irregulares nos oito anos anteriores, como previsto na Lei da Ficha Limpa.

De acordo com o secretário de Gestão de Processos do TCU, Mauro Giacobbo, quem estiver na lista não está automaticamente inelegível, já que o órgão federal não declara a inelegibilidade, mas sim a Justiça Eleitoral.

Na relação, constam os responsáveis que tiveram contas rejeitadas por irregularidade insanável e por decisão irrecorrível, ressalvados os casos em que a questão estiver sendo submetida à apreciação do Poder Judiciário, ou que haja sentença judicial favorável ao interessado, em cumprimento ao disposto no art. 11, § 5º, da Lei nº 9.504, de 1997.

O Piauí tem mais de 200 nomes na lista. Na relação constam nomes como o do atual prefeito de Luís Correia, Francisco Araújo Galeno, o conhecido ‘Kim do Caranguejo' e do prefeito de Matias Olímpio, Edísio Alves Maia, o conhecido ‘Fogoió’, e dos ex-prefeitos Francisco Antônio de Sousa Filho, o conhecido ‘Chico Antonio’, de Esperantina e do ex-prefeito Ronaldo Lages, de Nossa Senhora dos Remédios.

Na relação da também aparecem os nomes dos ex-deputados Francisco Donato Linhares de Araújo Filho, o conhecido ‘Chico Filho” e José Roncalli Costa Paulo.

Confira a lista do TCU abaixo ou clicando
aqui

Valdeci Cavalcante anuncia criação de Banco de Olhos no Piauí


Uma parceria inédita entre o Lions Clube, Sesc e o Hospital de Olhos Francisco Vilar proporcionou a criação de um Banco de Olhos no Piauí. O anúncio foi feito nesta segunda-feira (14) pelo presidente da Fecomércio Sesc Senac no Piauí, Valdeci Cavalcante, durante encontro com integrantes do Lions Clube Teresina Cidade Verde, na Administração Regional do Sesc.

A criação da Fundação Lions Banco de Olhos é um marco na história da oftalmologia. “Esse banco vai ter uma repercussão mundial. Todos vão saber que no Brasil, no Piauí, em Teresina existe um Banco de Olhos que atende as pessoas que estão na fila do transplante de córnea”, destaca Cavalcante.

O programa Banco de Olhos do Lions Cube Internacional está presente em poucos países. Os bancos recuperam, avaliam e distribuem tecido do olho humano para a restauração da visão, pesquisa e educação.

O Brasil possui mais de 40 mil pessoas na fila do transplante de córnea. No Piauí, 402 pessoas entre adultos e crianças estão na fila de espera de mais de um ano. No mundo 253 milhões de pessoas são cegas ou têm deficiência visual, 89% delas vivem em países em desenvolvimento, com é o caso do Brasil. É aí onde entra o trabalho que a Fundação Lions desenvolve, tendo por objetivo estratégico conter a cegueira evitável e melhorar a qualidade de vida das pessoas cegas e portadoras de deficiências visuais.

Segundo a diretora Administrativa do Hospital Francisco Vilar, Raquel Vilar, o Banco de Olhos deve ser instalado até o final de 2020 e funcionará nas imediações do Hospital de Olhos Francisco Vilar. O Banco vai realizar transplantes de córneas, residências médicas e desenvolvimentos de pesquisas no Piauí.
Tocador de vídeo

Sobre o Lions
O Lions Clube é uma entidade pioneira no combate à cegueira no mundo. Atua há mais de 100 anos acolhendo pessoas, focado principalmente em causas como visão, meio ambiente, câncer infantil e fome.

Conta com 45 mil clubes distribuídos em 200 países e regiões. Atua principalmente em cinco causas globais: diabetes, visão, meio ambiente, câncer infantil e fome.

Sobre o Sesc

O Sesc é uma entidade criada e mantida pelos empresários que há 74 anos presta assistência nas áreas de Saúde, Educação, Cultura, Lazer e Assistência. São mais de 580 unidades que oferecem serviços e ações para melhorar a qualidade de vida dos brasileiros. No Piauí são 25 unidades entre centros de atividades e unidade móveis.

Sobre Hospital de Olhos Francisco Vilar
O Hospital de Olhos Francisco Vilar é um dos mais modernos centros de oftalmologia do Brasil, com estrutura e serviços de primeiro mundo, sofisticados equipamentos e uma equipe acolhedora e altamente qualificada. Há 40 anos de atuação no Piauí alcançou relevância pela eficiência e qualidade nos serviços prestados, como um dos mais completos centros de prevenção, diagnósticos e tratamentos da visão no Brasil. Seu pioneirismo é reconhecido em todo o Norte-Nordeste do país.

Fonte: Ascom
Foto: Divulgação

sábado, 12 de setembro de 2020

Presença de animais marinhos indicam que o litoral piauiense está preservado

 

O aparecimento de animais como golfinhos e tubarões na praia do Coqueiro, em Luiz Correia; arraias na Barra Grande, Cajueiro da Praia; tartarugas em toda extensão do litoral, peixe-boi em Cajueiro da Praia ou, ainda, um peixe-voador na Pedra do Sal, em Ilha Grande Santa Isabel município de Parnaíba, são boas notícias para os piauienses. Segundo especialistas, o aparecimento desses animais indica que os mares do litoral piauiense estão em equilíbrio.

Casal de Peixe-Boi Marinho avistado na foz do Rio Timonha em Cajueiro da Praia, no litoral Piauiense
O feriado prolongado do Sete de Setembro na última segunda-feira (7) levou milhares ao litoral. E muitos ficaram assustados com as notícias de avistamentos de animais como estes, além da presença de águas-vivas e cardumes de peixes pequenos próximos à faixa de areia. A Setur, em um primeiro momento, indicou para as pessoas evitarem a água por conta do avistamento de um pequeno grupo de tubarões, mas depois informou que não haveria necessidade de interdição do litoral piauiense.

Tartaruga Gigante da espécie, tartaruga-de-couro, monitorada por satélite, coloca seus ovos na praia da Pedra do Sal no litoral Piauense
Isso porque o aparecimento dos peixes e criaturas marinhas na região é algo normal, e indica um ecossistema com as engrenagens em funcionamento. É o que explica o Profº Dr. Cezar Fernandes, engenheiro de pesca com ênfase em biologia reprodutiva dos peixes, do Laboratório de Bioecologia Pesqueira da Universidade Federal do Delta do Parnaíba (UFDPar). “Esses avistamentos são extremamente normais, é um indicativo de equilíbrio da cadeia trófica alimentar e de que o ambiente está em plena harmonia”, destaca.

Com informações do Blog do Lucrécio/MN

quinta-feira, 10 de setembro de 2020

Vacina da tuberculose será testada no Brasil contra covid-19

 


Alvo de estudos em outros países, a vacina contra o bacilo Calmette-Guérin (BCG), que protege contra tuberculose, vai começar a ser estudada no Brasil a partir do próximo mês como uma estratégia de proteção contra a covid-19. O imunizante é aplicado obrigatoriamente no País desde 1976 e pesquisas já apontaram que o número de mortes no Brasil poderia ter sido maior sem essa medida.

Assim como as pesquisas realizadas nos Estados Unidos, Austrália e Holanda , os testes serão feitos com profissionais que atuam na linha de frente no combate à doença. A proposta é avaliar os efeitos da vacina em 10 mil voluntários, dos quais 3 mil serão brasileiros. Os demais serão da Austrália, do Reino Unido, da Espanha e da Holanda.

Segundo o infectologista Julio Croda, pesquisador da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) que vai atuar no projeto, a proposta é identificar se a vacina protege ou não contra o novo vírus, evitando a evolução para formas graves da doença. "Ela (BCG) tem dois diferenciais importantes. É uma vacina que já foi usada muitas vezes, são 120 milhões de crianças que tomam anualmente e os efeitos adversos são raros, e não tem limite de idade superior", diz ele, que também é professor da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS) e da Escola de Saúde Pública de Yale (EUA). "Muitos estudos com vacinas estão sendo feitos com pessoas entre 18 e 50 anos. Isso é importante para os idosos."

O estudo será realizado pela Fiocruz em parceria com o Murdoch Children's Research Institute, da Austrália, com financiamento da Fundação Bill e Melinda Gates. No Brasil, 2 mil voluntários serão recrutados em Mato Grosso do Sul e os outros 1 mil serão do Rio. De acordo com Croda, os voluntários serão acompanhados durante um ano e pessoas que já foram infectadas ou que já tiveram sintomas do vírus não poderão participar.

"Seguimos os modelos de outros estudos e os profissionais de saúde são as pessoas com maior fator de risco para aquisição do vírus. Eles serão acompanhados semanalmente. Este vai ser o maior ensaio clínico de fase 3 usando a BCG", diz Croda, que até o primeiro semestre integrava a equipe do Ministério da Saúde, na gestão de Luiz Henrique Mandetta. Segundo o pesquisador, dois estudos recentes foram referência para essa pesquisa. "Um estudo realizado na África mostrou que a vacina protege contra infecções e óbitos em curto prazo, no primeiro ano de vida. E outro, que saiu na (revista científica) Cell, mostrando que ela protege infecções virais em idosos. Este foi feito do ano passado até este ano, ainda quando não tinha a circulação do vírus, mas é um estudo importante."

Segundo Croda, se comprovado o benefício da BCG para o novo coronavírus, a vacina pode se tornar uma opção enquanto o imunizante específico para evitar a doença não é lançado. "Muito provavelmente a BCG não será utilizada no futuro, mas pode ser uma uma alternativa enquanto não tiver nenhuma vacina para a covid-19 ou se não tiver o quantitativo para vacinar bilhões de pessoas. Nesta situação, a BCG poderia ser usada na estratégia."

Estudo apontou que Brasil teria mais mortes sem obrigatoriedade da vacina

Um estudo da Universidade de Michigan (EUA) apontou que o número de mortes por covid-19 registradas no Brasil poderia ser 14 vezes maior se a BCG não fosse obrigatória no País. O achado foi publicado na revista científica Science. Pesquisas sugerem que a vacina tem efeitos benéficos na imunidade contra infecções pulmonares, o que a tornaria uma candidata importante na prevenção da covid-19.

A Austrália e a Holanda também iniciaram estudos com a vacina com profissionais da saúde para verificar se ela tem eficácia para proteger os indivíduos do novo coronavírus.

Entre os países que adotaram políticas universais de vacinação obrigatória para combater a tuberculose, estão, além do Brasil: China, Irlanda, Finlândia e França. Alguns outros países encerraram as políticas porque a tuberculose deixou de ser uma ameaça, entre eles, Austrália, Espanha, Equador. Outros países nunca exigiram a vacinação contra BCG, são eles EUA, Itália e Líbano. A imunização, nos países onde ela foi adotada, é normalmente administrada no nascimento ou durante a infância para a prevenção contra a tuberculose.

Embora seja obrigatória no Brasil e dada aos recém-nascidos ainda na maternidade, a cobertura vacinal da BCG está registrando queda no País. Conforme mostrou o Estadão, a vacina teve a menor cobertura da série histórica, divulgada desde 1994. Com 85,1% dos bebês vacinados em 2019, foi a primeira vez em 25 anos que ela não alcançou a meta federal de ter 90% dos recém-nascidos protegidos.

terça-feira, 8 de setembro de 2020

Começa nesta quarta (09) o Outlet Moda Paraíba com descontos de até 80%

Começa amanhã (09) o super Outlet Moda Paraíba com descontos de até 80% nos setores de confecções, calçados e tecidos. Corra e aproveite o melhor da moda com descontos surpreendentes.

Saiba mais detalhes no vídeo abaixo:

Começa nesta quarta (09) o Outlet Moda Paraíba com descontos de até 80%

Começa amanhã (09) o super Outlet Moda Paraíba com descontos de até 80% nos setores de confecções, calçados e tecidos. Corra e aproveite o melhor da moda com descontos surpreendentes.

Saiba mais detalhes no vídeo abaixo:




Bandidagem invade mais uma igreja em Parnaíba e furta equipamentos

A bandidagem não tem poupado nem os templos religiosos em Parnaíba, PI. Na madrugada deste feriado de 7 de Setembro, foi registrado mais um furto contra uma Igreja Adventista, desta vez no Bairro Santa Luzia. Os bandidos levaram uma TV de plasma, uma caixa de som amplificada e uma escada.

No último sábado (05), a Igreja Adventista do Bairro Pindorama também foi alvo dos criminosos. Após diligências, a polícia militar, em conjunto com o Rocam prenderam o assaltante Luan Sousa do Nascimento, que confessou a autoria do delito. Uma mulher identificada como Joselita dos Santos também foi presa como receptadora da mesa de som. A polícia segue no encalço dos autores deste novo furto.


Grupo vai monitorar tubarões e Semar diz que não há indicativo de interdição de praias

Divulgação/SEMAR

Terminou no fim da tarde desta segunda-feira (7) a reunião que traçou estratégias a serem adotadas após o aparecimento do tubarões em áreas próximas à Praia do Coqueiro, em Luís Correia, distante 346 Km de Teresina.

Membros da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Semar), Secretaria de Turismo, do Corpo de Bombeiros, Capitania dos Portos e Companhia Independente de Policiamento de Turismo (CIPTUR) decidiram formar três grupos de trabalho que realizarão o monitoramento dos tubarões, segurança dos banhistas e comunicação à sociedade sobre os resultados que forem obtidos.

A secretária estadual do Meio Ambiente, Sádia Castro, afirma que não há "nenhum indicativo" de interdição de praias do litoral piauiense. No entanto, a gestora alerta é preciso que os banhistas tenham atenção redobrada.

"É importante a gente ressaltar para tranquilizar os banhistas, assim como os donos de pousadas, de restaurantes e hoteis que, nesse momento, não há indicativo de interdição de praia, ou seja, a situação que nos apresenta não recomenda a interdição. O que são recomendados são os cuidados que nós já estamos repassando pela Semar, Setur , pelo Corpo de Bombeiros, Capitania dos Portos , enfim, todos órgão responsáveis envolvidos com o litoral, com o turismo. As pessoas podem ir à praia tomar banho de mar, mas com cuidados redobrados como demorar muito no mar, não mergulhar muito, não nadar muito distante da praia , ter cuidado com as crianças , com os idosos e evitar a prática de esportes náuticos nesse momento", esclarece a secretária.

A auditora fiscal ambiental da Semar, Waneska Vasconcelos, explica que ainda não foi possível identificar as espécies de tubarões que estão sendo vistas por turistas;

"Precisamos fazer o monitoramento dessas espécies. Precisamos ter uma resposta . Esses animais vivem aqui, é o habitat natural deles, eles tem ocorrência no nosso litoral. O que nos estranha é somente essa aproximação da praia. Para responder esse comportamento nos precisamos fazer esse monitoramento", disse Waneska.

A Semar vai contatar pesquisadores da região. No eixo segurança, equipes do Corpo de Bombeiros, Ciptur e Capitania dos Portos farão segurança dos banhistas e estarão atentos casa haja alguma ocorrência. O grupo de trabalho também vai tentar preservar os tubarões.

"Outro grupo vai cuidar da comunicação para que as informações sejam democratizadas e alinhadas para que a população ,especialmente as pessoas que estejam ligadas diretamente ao turismo no Piauí, tenham informação segura a respeito desse evento que é o aparecimento de tubarões nas praias do litoral do Piauí", acrescenta a secretária Sádia Castro.

Animais estão em busca de alimentos, diz bióloga

A bióloga e doutora em Sistema Costeiros e Oceânicos, Geórgia Aragão, explica que o grupo de tubarões que foi identificado na praia do Coqueiro, litoral do Piauí, está em busca de condições favoráveis para alimentação. Segundo ela, são pelo menos cinco animais jovens, mas de espécie ainda não identificada.

"Quem conhece a praia do Coqueiro, sabe que aquela região tem uma presença muito grande de cardumes de peixinhos, ali a gente tem as pedras, onde tem bastante crustáceos. Isso é condição favorável para a presença desses animais. Alimento em abundância", explica.

Izabella Pimentel
izabella@cidadeverde.com

domingo, 6 de setembro de 2020

Homem que furtou Igreja no Bairro Pindorama tinha mandado de prisão em aberto

Momento da prisão de Luan Sousa do Nascimento

Na tarde deste sábado (05), a equipe de plantão do 2° BPM Major Osmar, em Parnaíba, PI, recebeu a informação de que um indivíduo de pré-nome Luan havia feito um furto na Igreja Adventista do Bairro Pindorama subtraindo vários objetos. O criminoso foi identificado como Luan Sousa do Nascimento. 

Ao entrar de serviço hoje (06), e guarnição do Sargento Farlon, Cabo Sobrinho e Cabo Zé Maria, passou a receber informações sobre o paradeiro do acusado. Com o apoio da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (Rocam), os policiais conseguiram capturar o indivíduo em plena via pública, onde o mesmo acabou confessando que a mesa de som estaria na casa de uma mulher identificada como Joselita dos Santos. Na residência foi encontrado o objeto e, com o apoio da Módulo 2, os PMs capturaram a receptadora e, em ato contínuo, localizaram os demais objetos em casas de pessoas ligadas a Luan. Também foi constatado que Luan possuía um mandado de prisão em aberto. Foi dada voz de prisão aos acusados e conduzido à Central de Flagrantes para os procedimentos legais cabíveis.

Polícia Militar recupera equipamentos furtados da Igreja Adventista

Ladrão de igrejas foi preso nas primeiras horas da manhã deste domingo (06)
Após investigações e buscas intensas, uma guarnição do 2° Batalhão de Polícia Militar “Major Osmar”, comandada pela equipe do Sargento Farlon, juntamente com os Sargentos Paixão e Jesus, conseguiu prender o assaltante que arrombou a Igreja Adventista do Sétimo Dia no Bairro Pindorama na madrugada deste sábado (05). A operação contou ainda com o trabalho dos policiais da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (Rocam).
Mesa de som por meio da qual são transmitidos os cultos om-line
Foram recuperados a mesa de som e os microfones. O furto foi praticado por um homem identificado apenas como Luan, já conhecido no mundo do crime por invadir igrejas em Parnaíba. Uma mulher também foi presa acusada de ter comprado a mesa de som e responderá por crime de receptação.

A liderança da Igreja Adventista e demais fiéis agradecem imensamente a Deus e ao valoroso trabalho dos sargentos pelo grande trabalho feito a fim de recuperar os bens furtados da Igreja.
A polícia segue em busca dos ventiladores e do monitor que ainda não foram encontrados. 

sábado, 5 de setembro de 2020

Motociclista sofre acidente e fica gravemente ferido em avenida de Parnaíba

A Polícia Militar e a Policia Rodoviária Federal registram um acidente de trânsito envolvendo motocicleta por volta das 5hs da manhã deste sábado(5), na Avenida Pinheiro Machado em Parnaíba-PI. 

Um motociclista que não teve o nome ainda revelado colidiu sua moto contra o canteiro central da Avenida, indo de encontro a uma árvore, próximo a Macavi. 

Pela gravidade do acidente, o Samu foi acionado para socorro à vítima, que ficou desacordada com lesão na cabeça. 
 A moto seguia sentido semáforo da Caramuru ao terminal rodoviário de passageiros. 
 Vítima sendo encaminhada ao hospital. 
 Cena do acidente. 
PRF no local, trecho da BR 343.

Fonte : Portal do Catita 

Igreja Adventista do Bairro Pindorama tem sistemo de som furtado durante a madrugada


A liderança da Igreja Adventista Central de Boa Esperança vem a público informar que infelizmente neste sábado (05), não haverá transmissão on-line do culto em virtude de o templo ter sido invadido e roubado nesta madrugada.


Arrebentaram a Casa do Senhor e levaram nossos equipamentos de transmissão como mesa de som, microfones e computador. Comunicamos ainda que a valorosa Polícia Militar do Piauí foi acionada e já deu início ao processo de investigação a fim de tentar reaver os bens furtados.

Neste momento o pastor Mário Frere e membros da liderança estão na delegacia registrando o Boletim de Ocorrência. Tão logo normalizamos a questão dos equipamentos, retornaremos as nossas transmissões a fim de atendermos de forma remota a necessidade espiritual dos membros e amigos neste momento delicado de pandemia.
SEGUE ABAIXO A RELAÇÃO DE BENS SUBTRAÍDOS:

Uma Mesa de som (alto live)
Um Monitor de mesa
Cinco Ventiladores
Dois Microfones
Qualquer informação, por favor, entrar em contato pelos números: (86) 9475-7655 / 9965-7024

"Em todo o tempo Deus é bom. Deus é bom o tempo todo e nós o louvamos em toda e quaisquer circunstâncias".
Igreja Adventista Central de Boa Esperança

Por Luzia Paula